Uma das preocupações diárias que um varejista pode enfrentar normalmente tem relação com as perdas financeiras que ocorrem até mesmo nos períodos de grande movimentação de vendas.

É comum que essas perdas sejam resultados de controles internos realizados de maneira inadequada e da falta de uma gestão efetiva na área financeira das empresas.

Ou seja, é importante conhecer os processos que estão trazendo prejuízos para a sua empresa, e isso só é possível quando existe um acompanhamento do funcionamento de cada serviço e equipamento disponível em sua  rede.

Por isso, para te ajudar a minimizar os impactos financeiros e operacionais gerados pelas perdas, criamos esse artigo. Nele, te damos 4 Dicas para você diminuir suas perdas financeiras com o monitoramento.

4 Dicas para você diminuir suas perdas financeiras com o monitoramento

Como você lida com as perdas financeiras da sua empresa? Se esse índice ainda é considerado alto, é hora de revisar as ações que estão sendo feitas e realizar as mudanças necessárias para reverter esse cenário. 

Além disso, segundo dados da Associação Brasileira de Supermercados (ABRAS), em 2019 as perdas impactaram 1,82% do faturamento bruto das empresas. 

E, tendo esse cenário em mente, as dicas que nós, da Bluesoft, te damos paradiminuir suas perdas financeiras, são:

  • Acompanhe os pontos de controle;
  • Faça uma boa gestão de vendas;
  • Acompanhe o seu volume de compras;
  • Use um sistema automático de auditoria.

Abaixo, vamos entender melhor sobre essas dicas para diminuir suas perdas financeiras com o monitoramento!

Acompanhe os pontos de controle

A partir do momento em que você identifica os processos que tem uma tendência maior a causar riscos, é preciso definir como os acompanhamentos e monitoramentos devem ser feitos. 

Assim você pode listar a quantidade de incidentes por seção e o nível de risco que cada uma delas apresenta para o empreendimento conforme o potencial de perda financeira.

Faça uma boa gestão de vendas

Fazer uma boa gestão de vendas ajuda a controlar o volume de saída dos produtos e com isso criar uma previsão de demanda com base no seu histórico. 

Essas informações também contribuem para analisar o fluxo do estoque e preparar o setor para fazer compras mais assertivas, sem sobras ou ausências de itens.

Acompanhe o seu volume de compras

Em alguns casos, é comum que o fornecedor ofereça algum tipo de desconto conforme o volume de compras. Mas, o ideal é não ficar baseando sua estratégia nessa ideia, principalmente em termos de produtos com um valor de médio para baixo. 

Prestar atenção na quantidade de solicitações que são feitas aos fornecedores pode evitar que sejam adquiridos mais produtos que o necessário para o período definido.

No entanto, mesmo acertando na quantidade, é essencial monitorar o percentual de Shelf Life dos produtos recebidos nas lojas. E isso é algo que muitos supermercados deixam de fazer. Para isso, você pode contar com um ERP que consiga realizar o cálculo de Shelf Life logo no recebimento de suas mercadorias, como o Bluesoft ERP

Use um sistema automático de auditoria

Usar um sistema automático de auditoria é uma opção eficaz para diminuir os desperdícios financeiros, pois permite que o dono da empresa consulte um relatório de análise de risco enviado pelo próprio sistema para o seu e-mail, identificando os erros, os setores que fazem parte e o tamanho das perdas. 

Assim, ele tem o controle de todos os pontos falhos em um painel de monitoramento e pode analisar os detalhes a qualquer momento do dia, independente do lugar.

Esse tipo de ferramenta facilita e torna a rotina mais prática, já que, com as informações de diversos departamentos centralizadas, fazer a troca de dados fica mais ágil.

Por exemplo, quando falamos de estoque, o setor de compras tem todas as informações de composição do armazém, como as quantidades de cada produto, e assim, sabe se é o momento de solicitar um novo pedido ao fornecedor.

Conclusão 

Vimos acima que a recorrência de perdas no estoque é um problema que prejudica não só a rotina de uma empresa como pode gerar consequências graves para o seu negócio.

Por isso, é tão importante ter uma estratégia bem alinhada no que corresponde ao controle e à melhoria nos processos que envolvem o estoque.

Além disso, vale sempre lembrar da importância de contar com mais tecnologia para te ajudar em todos esses tópicos que te mostramos acima. Afinal, isso é uma das maneiras mais eficazes de te ajudar com esse índice.