Quando falamos em Gestão de Estoques, uma das barreiras encontradas está relacionada a qualidade do mesmo. Para vencer esse desafio e garantir um bom desempenho do seu estoque, vamos falar sobre dois indicadores e quais são as suas diferenças:

O que é Giro de Estoque?

Ele é considerado um medidor de desempenho, que através de uma fórmula, demonstrará a quantidade de vezes que cada um dos itens foi renovado dentro de um determinado período, ou seja, quantas vezes houve a venda e reposição do item.

Vamos entender como é a formula do cálculo de Giro de Estoques:

O giro de estoque é a soma de tudo que foi vendido, dividido pela média de estoques, dentro de um período. O resultado pode ser analisado individualmente, e o que podemos dizer é que quanto maior for o giro, melhor.giro2Outra dúvida muito comum, é como chegamos no estoque médio, então vamos a explicação:

O estoque médio pode ser calculado de diversas formas e uma delas é fazer a soma do estoque inicial com o estoque final do período, feito isso, dividimos o resultado por 2. O resultado será a média do seu estoque.

Agora que já conhecemos a teoria, vamos para um exemplo prático:

Vamos imaginar a seguinte situação…

Controlamos um estoque pequeno de leites de um mercado. No início do mês, começamos o estoque com 14 unidades. Com o passar dos dias, vendemos 5 unidades. Com a diminuição do estoque, foi necessário a compra de mais 5 unidades. No final do mês, vendemos mais 6 unidades o que totalizou 11 vendas no período de um mês e um saldo final de estoque de 8 unidades. Como começamos o mês com 14 unidades e terminamos com 8, a nossa média de estoque será 11. Dessa forma, o cálculo do giro será o Total de Vendas (11) dividido pela média de estoque (11), que é igual a 1. Certo, e ai você está se perguntando: Ok, o que quer dizer esse resultado igual a 1? O significado é simples, e indica que todos os produtos foram renovados 1 vez, durante o mês. Ok, e se o resultado da fórmula, fosse menor que 1? Isso seria uma boa indicação, de que alguns produtos que estavam no estoque no início do mês não foram renovados.

Geralmente os estoques são formados por diversos materiais, e uma dúvida muito comum é sobre como calcular o giro de estoque total? Nesse caso, podemos utilizar a o custo ao invés das quantidades, ou seja, a divisão do custo total de vendas pelo custo médio de estoque.

Confira um Papo Express sobre o assunto:

O que é Cobertura de Estoque?

Agora vamos falar sobre a Cobertura dos Estoques, que é um índice utilizado para medir o tempo que o estoque, em determinado período, consegue cobrir as demandas futuras, sem haver a necessidade de suprimento,  ou seja, o tempo que o produto leva para sair do estoque.

Para o cálculo da Cobertura de Estoques, podemos utilizar a seguinte fórmula: Considerando um período  (dia, semana ou mês), dividimos a quantidade de estoque atual pela quantidade média de vendas. O resultado da fórmula será a cobertura de estoque em dias.

cobertura2

Para o cálculo da média de vendas, é necessário somar a quantidade de vendas diárias no período e dividir pelas quantidade de dias.

Quanto menor for o resultado da cobertura, maior é o risco de falta de mercadoria da sua empresa e também quanto maior a cobertura, maior o risco de ter estoques obsoletos e falta de qualidade dos produtos que ficam muito tempo em exposição ou armazenados em um depósito.

Agora que conhecemos a parte teórica do processo, vamos à prática:

Imagine…

Um estoque pequeno de garrafas de leite, onde a quantidade atual de estoque está em 150 garrafas. Calculamos uma média de vendas de 50 unidades por dia, considerando os últimos 42 dias. Nesse caso, é necessário dividir a quantidade de estoque atual (150) pela média de vendas (50), o resultado será 3, ou seja, por 3 dias o estoque de leites vai atender a demanda de vendas.

Essa ferramenta é muito importante, pois conseguimos dimensionar o trabalho e diminuir os riscos de problemas com o estoque, como rupturas.

Confira um Papo Express sobre o assunto:

Giro de Estoque X Cobertura de Estoque

O giro de estoque calcula o número de vezes que o estoque foi renovado, conforme podemos observar a imagem abaixo:

giro1

Através da análise do giro é possível identificar estratégias para aumentar as vendas dos produtos, por exemplo, oferecendo promoções. Com isso, poderá obter mais lucros e evitar que os produtos fiquem durante muito tempo em exposição.

Já a cobertura calcula o período em que o estoque será suficiente para atender a demanda de vendas do seu negócio:

cobertura1

Analisando as informações da imagem, é possível definir o melhor momento para efetuar uma compra de mercadorias garantindo que não hajam rupturas e nem prejuízos pelo excesso de itens de estoque.

Neste post, abordamos esses dois modelos para facilitar a gestão de estoque, com o objetivo de torná-lo mais eficaz e seguro. Vale ressaltar, que existem outros modelos e que cada um pode ser aplicado de acordo com a necessidade de sua empresa.