imagemgleyci

O Capital de Giro é a força vital que mantém uma empresa em atividade, porém saber como gerenciá-lo é um grande desafio para a maioria dos empresários.

Saiba agora, como garantir o sucesso da sua gestão:
 

O que é Capital de Giro?

O Capital de Giro é tudo aquilo que pode ser transformado em receita para a empresa a curto ou médio prazo. Ou seja, é a soma do total de dinheiro em caixa + contas a receber + mercadorias em estoque.

Para manter uma empresa em funcionamento, é essencial que o Capital de Giro seja suficiente para pagar os fornecedores, e assim, garantir o suprimento necessário para estoque, mantendo o nível das vendas, gerando novas receitas. Daí o nome “capital de giro”.

Vejamos abaixo algumas dicas para garantir o seu capital de giro e, portanto, a continuidade do seu negócio:
 

Cobre seus clientes antes de pagar seus fornecedores

Essa é a regra de ouro para garantir o capital de giro da empresa. Recebendo dos clientes você tem a garantia da renda necessária para cobrir as despesas, sem precisar recorrer a outros recursos.
 

Tenha um controle rigoroso sobre seus custos e despesas

É importante conhecer a fundo todos os gastos da empresa, bem como suas origens, para evitar gastos desnecessários que podem comprometer o seu capital de giro.
 

Registre todas as suas movimentações financeiras

Mantenha registro de todas as entradas e saídas de dinheiro. Isso é essencial para garantir o controle citado anteriormente.
Algumas ferramentas podem facilitar nesse passo, entre elas o uso de um software ERP e o relatório de Fluxo de Caixa.
 

Negocie!

A negociação também é essencial para manter o seu capital de giro.

Procure negociar com seus fornecedores o melhor preço de compra assim como os melhores prazos de pagamento para evitar que hajam muitas contas a pagar em períodos em que as vendas são menores, por exemplo.

Se existem dívidas a serem pagas, procure negociá-las de forma que permitam melhores condições de pagamento sem comprometer grande parte do seu capital de giro.

Em relação aos seus clientes, procure manter uma boa análise de crédito para evitar inadimplência. Procure oferecer a ele uma condição favorável e vantajosa, porém que garanta que ele possa efetuar o pagamento na data correta.
 

Avalie a necessidade de adquirir capital de giro

Há casos em que o capital de giro disponível não é suficiente, especialmente para empresas que estão no começo das atividades, onde a necessidade de investimento é maior do que o retorno das receitas.

Em casos como esse, avalie a possibilidade de ampliar seu capital de giro através de financiamentos, por exemplo. A dica nesse caso é pesquisar aquele que oferece maior vantagem para a empresa e as melhores condições para pagamento, de modo que isso não acabe tendo um efeito inverso. É importante lembrar que um empréstimo pode aumentar seu capital de giro, porém também gera gastos.

Saiba mais sobre como conseguir capital de giro. Clique aqui.

Gleycielle Souza

Analista de Negócios – Financeiro