financeiro

Quando se trata de gerenciamento financeiro, muitos gestores tem dúvidas em relação a melhor opção de ferramentas para controle das finanças da empresa. Neste cenário, uma das ferramentas mais utilizadas são as planilhas financeiras, especialmente para micro e pequenas empresas. Porém conforme a empresa cresce, o uso de planilhas pode se tornar uma dificuldade, veja a seguir algumas dicas para abandonar de vez as planilhas e otimizar a sua gestão financeira.

 

De onde surgem as planilhas financeiras?

Muitas das pequenas empresas recorrem ao uso de planilhas para controle financeiro devido a sua simplicidade e a facilidade por praticamente todo computador possuir um leitor de planilhas além da comodidade de poder personaliza-las a qualquer momento conforme a necessidade. Atualmente, muitos sites dispõem até mesmo de modelos prontos de planilhas para download gratuito.
 

Quando as planilhas se tornam um problema?

Conforme a empresa cresce, a complexidade no gerenciamento e a necessidade de controles mais precisos aumentam. Com isso, as planilhas podem gerar diversas dificuldades como:

  • devido os registros serem feitos de forma manual, é necessário guardar recibos e comprovantes de todo tipo de receita ou despesa para que sejam registrados nas planilhas posteriormente;
  • as informações não são totalmente confiáveis, pois exigem os registros manuais, com isso, as informações podem estar desatualizadas no momento da consulta, algum registro pode ser esquecido ou podem haver erros na digitação que podem alterar os valores;
  • com maior nível de complexidade, muitas vezes são necessárias diversas planilhas com informações diferentes, o que dificulta a análise dos resultados;
  • o controle manual das finanças também pode resultar em problemas fiscais, uma vez que nesse caso todo o lançamento de dados para geração e recolhimento de tributos também será feito manualmente, o que pode gerar multas ou outras penalidades para a empresa em casos de erros.

 

Como eliminar as planilhas?

Para ter uma gestão financeira eficiente, é importante que todas as informações estejam em um único lugar e que seja possível acessar e comparar informações com facilidade. Para isso, veja a seguir algumas dicas:
 

Utilize sistemas de controle financeiro

O primeiro passo para deixar as planilhas no passado é começar a automatizar processos. Atualmente, existem diversos sistemas que controlam as finanças de forma simples e rápida, oferecendo ainda algumas vantagens como a possibilidade de integrações com aplicativos para smartphones ou até mesmo alguns relatórios que podem facilitar a análise das finanças.
 

Procure um bom sistema ERP

Em cenários de maior complexidade, lançamentos manuais começam a se tornar um problema, além disso, o gestor financeiro também passa a ter necessidade de maior controle de informações de outros setores como contabilidade, Notas Fiscais, entre outros. Para resolver estes problemas, a melhor opção é começar a utilizar um bom sistema ERP. O ERP oferece uma plataforma tecnológica unificada de informações de todos os setores da empresa, além de oferecer diversas informações automatizadas e outras facilidades, permitindo maior precisão e controle das informações.
O Bluesoft ERP oferece ainda a vantagem de ter suas informações armazenadas na nuvem, o que permite acessar seus dados de qualquer lugar e a qualquer horário, além de oferecer facilidades como o envio e recebimento de dados de forma eletrônica (EDI), que oferece maior agilidade e segurança para pagamentos e recebimentos de títulos, recebimento de cartões ou controle e conciliação bancária.
 

Aproveite estrategicamente as vantagens oferecidas

Uma das maiores vantagens do uso da tecnologia para gestão das finanças, é tirar o melhor proveito do cruzamento de diversas informações de forma simples e rápida através de relatórios, por exemplo, que podem dar apoio ao gestor na análise financeira e facilitar a tomada de decisão.
A Bluesoft também oferece aos seus clientes o Bluesoft Intelligence que fornece análises por meio de dashboard interativos e completos com relatórios detalhados para decisões certeiras. Para saber mais, clique aqui.
 

Gleycielle Souza

Analista de Negócios – Financeiro