dinheiro

Para manter as atividades da empresa em constante movimento, muitas empresas buscam diversas formas de manter seu Capital de Giro. Dentre elas, podemos destacar o Risco Sacado como uma das mais utilizadas atualmente.
Veja a seguir como funciona o processo de Risco Sacado e quais são suas maiores vantagens para fornecedores e clientes.

 

O Que é Risco Sacado?

O Risco Sacado é uma forma simples de se garantir a obtenção de recursos financeiros (capital de giro) sem complicações posteriores como juros ou parcelamento. Consiste basicamente na antecipação por parte dos fornecedores de títulos a receber de seus clientes, onde o banco antecipa o valor para o fornecedor na data de solicitação e recebe posteriormente do cliente na data de vencimento, daí o nome “risco sacado”, pois o fornecedor se utiliza da confiabilidade do seu cliente com o banco.
Este processo também é conhecido como desconto de títulos.
 

Como Funciona o Processo de Risco Sacado?

O processo funciona de maneira muito simples:

  1. O fornecedor faz uma venda para um grande cliente, por exemplo, com um prazo de vencimento de 60 dias e envia para seu cliente a Nota Fiscal juntamente com o boleto para pagamento;
  2. O cliente envia para o banco o agendamento deste título a pagar, através do EDI Bancário;
  3. O banco localiza os títulos a pagar que podem ser antecipados e disponibiliza em seu sistema interno de risco sacado;
  4. O fornecedor, por sua vez, acessa este sistema e solicita ao banco a antecipação do valor;
  5. O banco irá cobrar uma taxa de desconto sobre o valor do título e depositar o valor restantes diretamente na conta do fornecedor;
  6. O cliente, porém, não é afetado nessa operação. Na data de vencimento do boleto (60 dias depois) o valor é debitado da conta do cliente e permanece em poder do banco.

Os títulos que são passíveis de antecipação são apenas aqueles com datas de vencimento igual ou superior a sete dias. Quando o cliente faz o agendamento e o fornecedor não solicita antecipação, o título sai automaticamente do sistema de risco sacado do banco quando restarem seis dias para o vencimento.
 

Risco Sacado x Adiantamento a Fornecedores

O processo de risco sacado não é o mesmo que de um adiantamento a fornecedores. No caso do adiantamento, o cliente paga o boleto antes da data de vencimento ou em alguns casos, antes mesmo da entrega do produto ou serviço. Porém essa decisão fica com o cliente, o que nem sempre acontece.

No caso do risco sacado, a decisão de quando o valor será antecipado fica por conta do fornecedor. Desta forma, ele poderá cobrir gastos e garantir capital de giro nos momentos mais necessários sem necessidade de recorrer a empréstimos, por exemplo.
 

Quais são as principais vantagens?

Entre as principais vantagens do risco sacado, podemos destacar:

  • Recebimento de títulos antecipadamente sem endividamento ou juros;
  • Não consome do crédito com o banco;
  • Alto índice de liquidez;
  • Obtenção rápida e segura de capital de giro.
  • Para o cliente, há como principal vantagem o maior poder de negociação com o fornecedor. Uma vez que ele poderá receber antecipadamente.

O Bluesoft ERP possui todos os recursos necessários para disponibilização de títulos para o sistema de risco sacado no banco via EDI Financeiro. Para saber mais sobre o assunto, veja também o vídeo a seguir sobre o tema:


 

Gleycielle Souza

Analista de Negócios – Financeiro