Posts Tagged "Gestao"


Controle de estoque vale a pena?

Controle de estoque vale a pena?


Publicado By em mar 11, 2015

estoque

 

Atualmente para que a saúde de uma empresa esteja em perfeita condição o controle de estoque deve ser algo primordial na mente dos empresários.

Sabemos que não é uma tarefa fácil realizar esse controle, ainda mais sem um sistema de gestão integrado com a área de vendas fazendo isso de forma automática. Sem uma gestão de controle de estoque, dificilmente sua empresa terá bons resultados em venda, afetando o lucro e o sucesso.

Todos sabemos que o estoque representa um valor agregado muito alto para a empresa, se fazendo necessário para atender a demanda estimada ou sazonal, e servindo como um fator de segurança no atendimento aos clientes.

O estoque é um dos principais meio de fiscalização de uma empresa e mantê-lo correto, também garante que sua empresa não sofra penalidades com as fiscalizações tributárias. Com uma ferramenta como o saldo de estoque, você saberá se as entradas e saídas de sua operação estão acobertadas por documentos fiscais, e também se os tributos recuperados e pagos estão de acordo com as movimentações fiscais.
 

Mas a gestão e o controle de estoque vão me trazer ótimas vendas e lucros?

Com toda certeza SIM!
Um dos principais meios de ser ter o controle do estoque atual, é o inventários de estoques, podendo ser parcial ou total, por departamento, setor ou seção.
 

Certo! Mas o que é inventário de estoque? Para que serve?

Explicando em poucas palavras, para aqueles que não conhecem muito do assunto, Inventário de estoque é fazer a contagem física dos itens disponíveis em estoque.

É aqui que está a vantagem de utilizar um software integrado de controle de estoque. Você consegue analisar em tempo real como andam as vendas da sua loja e saber visualizar como seu estoque está sendo afetado, analisando assim os ganhos e as perdas através das contagens.

A partir dele você pode tomar decisões fundamentais a respeito dos produtos que estão em falta, que estão encalhados, que estão danificados ou vencidos e ainda determinar a importância de cada tipo de produto para o seu estoque.

Essa gestão pode ser feita através do BluesoftERP, que conta com uma ferramenta de inventários de estoques, parcial, geral, de terceiros e de trocas.

Ricardo Machado

Analista de Negócios – Operações

Continue Lendo

Curva ABC

 

O que é?

A Curva ABC é um método de classificação, definido pelo Princípio de Pareto, onde podemos separar de um montante, os itens de maior relevância ou de maior impacto nas operações. O nome ‘ABC’ é uma analogia com as três primeiras letras do alfabeto, para lembrarmos que o mais importante deve ser visto primeiro.

 

Pra que serve?

Ela ajuda os gestores nas tomadas de decisões, definindo quais são os produtos mais vendidos, giro do estoque, quais geraram mais lucros e, com estas informações é possível verificar onde os recursos podem ser direcionados. Porém isto não significa que é necessário focar apenas no produto mais importante e com maior índice de venda, pois temos muitas variações no mercado, o que pode comprometer o investimento neste único produto.

 

Vantagens x Desvantagens

 

Vantagens: Ao utilizar a curva ABC para a gestão do estoque, sua empresa será capaz de identificar os itens mais importantes armazenados e saber como traçar estratégias para melhorar seu fluxo de entrada e saída, desta forma, os recursos investidos no estoque podem ser otimizados, evitando desperdícios de recursos financeiros e materiais, contribuindo para que sua empresa aumente a lucratividade.
Desvantagens: Há a necessidade de revisão constante, pois os dados, que são em grande quantidade, mudam o tempo todo. Há uma maior preocupação em gerar informações estratégicas corretas do que em usá-las.

 

Como calcular?

Funciona mais ou menos assim:

  • Classe A: itens de maior importância, valor ou quantidade
  • Classe B: itens com importância, quantidade ou valor intermediário
  • Classe C: itens de menor importância, valor ou quantidade

Essa metodologia pode ser aplicada em diversas áreas da empresa, como por exemplo, na análise de clientes e produtos, permitindo que você visualize de forma clara qual você deverá dar mais ou menos atenção e criar estratégias para cada um deles, ou mesmo na administração de estoques, na definição de políticas de vendas, para o estabelecimento de prioridades, para a programação de produção, entre outros.

 

Como o ERP pode te ajudar?

Com um sistema qualificado, todo o seu trabalho se resumirá em cadastrar os dados do produto e seu respectivo valor. Toda a complicação do cálculo ficará por conta da tecnologia.

No sistema Bluesoft ERP, este cálculo é feito de forma automática, considerando os dados abaixo:

A Curva ABC tem por base os últimos 30 dias corridos de vendas, onde é realizada a soma de todos os produtos no período.

O sistema elabora uma lista classificando cada produto conforme o total de suas vendas no período criando uma lista decrescente de valor.

Com esta lista, o sistema classifica os produtos em A, B e C (com três níveis cada) seguindo a relação de porcentagem da participação dos produtos sobre o total de vendas no período.

 

A classificação é baseada nos valores abaixo:

  • ‘A1′ – Itens cujo as vendas acumulam o valor menor ou igual a 25% do total de vendas dos 30 dias corridos;
  • ‘A2′ – Itens cujo as vendas acumulam o valor entre 25,01% e 40% do total de vendas dos 30 dias corridos;
  • ‘A3′ – Itens cujo as vendas acumulam o valor entre 40,01% e 50% do total de vendas dos 30 dias corridos;
  • ‘B1′ – Itens cujo as vendas acumulam o valor entre 50,01% e 70% do total de vendas dos 30 dias corridos;
  • ‘B2′ – Itens cujo as vendas acumulam o valor entre 70,01% e 80% do total de vendas dos 30 dias corridos;
  • ‘B3′ – Itens cujo as vendas acumulam o valor entre 80,01% e 90% do total de vendas dos 30 dias corridos;
  • ‘C1′ – Itens cujo as vendas acumulam o valor entre 90,01% e 95% do total de vendas dos 30 dias corridos;
  • ‘C2′ – Itens cujo as vendas acumulam o valor entre 95,01% e 98% do total de vendas dos 30 dias corridos;
  • ‘C3′ – Itens cujo as vendas acumulam o valor entre 98,01% e 100% do total de vendas dos 30 dias corridos;

 

Desta forma é possível analisar relatórios com informações sobre vendas ou até mesmo a própria cobertura de estoque, selecionando apenas os produtos da curva que você quer analisar, ou todos, para uma visão mais ampla.

Com a oportunidade de visualizar quais produtos vendem mais e quais vendem menos, você dimensionará melhor seu estoque e também poderá direcionar seus esforços em produtos que realmente valem a pena e que precisam de estratégias diferentes para serem alavancados.

 

Está interessado em implantar o Bluesoft ERP na sua empresa? Entre em contato com nossa equipe comercial e descubra como podemos ajudá-lo.

 

Alline Tiberio de Oliveira

Analista de Negócios – Comercial

Continue Lendo
Agora no Bluesoft ERP será possível informar os saldos iniciais das contas contábeis por participantes.
Saldo Inicial por Participante

Saldo Inicial por Participante

Caso a loja ainda não possua saldo contábil inicial será exibida a tela de inclusão, onde o usuário informará a competência.
Incluir saldo contábil inicial

Incluir saldo contábil inicial

O botão incluir participante só será exibido quando a conta contábil requer participante.
Adicionar Participante

Adicionar Participante

Uma vez que o usuário incluiu um participante para uma conta, não será mais possível informar o saldo diretamente na mesma, o saldo da mesma será a soma dos saldos dos seus participantes.
Saldos nos participantes

Saldos nos participantes

Todas as alterações são salvas automaticamente, desta forma, o usuário não perderá as informações caso termine a sua sessão ou poderá ainda digitar os saldos em várias etapas.
No entanto, os saldos iniciais das contas só serão considerados nos relatórios quando o saldo contábil inicial da loja em questão for encerrado.
Ao encerrar o saldo contábil da loja, só serão calculados os saldos dos participantes que tiverem saldo contábil inicial. Sendo assim, os participantes de competências anteriores que não possuem saldo inicial serão desconsiderados.
Só será possível encerrar o saldo contábil de uma loja se a equação patrimonial estiver equilibrada.
Validação da Equação Patrimonial

Validação da Equação Patrimonial

Por questões de performance ao encerrar o saldo contábil de uma loja, o sistema irá refazer o calculo das contas assincronamente, por isso, será necessário aguardar alguns minutos para consultar o Balancete de Verificação.
Release R91.30

Em caso de dúvidas, por favor, entre em contato com a nossa equipe de suporte.

Continue Lendo

Foram feitas algumas melhorias para facilitar a gestão de competências financeiras.

Agora, as competências aparecem em uma matriz de Ano x Mês igual a gestão de competência contábil.

Você pode fechar competências para evitar que novas duplicatas seja lançadas nessa competência nos módulos de contas a pagar e contas a receber.

Nova tela de competência financeira

Nova tela de competência financeira

Para alterar uma competência basta clicar em cima da mesma com o botão direito do mouse.

Competência Aberta

Competência Aberta

Competência Fechada

Competência Fechada

Para alterar todas as competências de um determinado ano de uma vez só, basta clicar sobre o ano com o botão direito do mouse.

Alterar todos as competências do ano

Alterar todos as competências do ano

As competência do ano 2000 até 2020 foram geradas automaticamente. Caso não utilize algum desse anos, basta utilizar a opção de fechar o ano inteiro.
Release r90.22

Em caso de dúvidas, por favor, entre em contato com a nossa equipe de suporte.

Continue Lendo